Pavilhão da Suíça na ExpoDubai

as experiências criativas da Expo Dubai 2020

Adiada por 1 ano, a Expo Dubai 2020 enfim pôde voltar a acontecer. Em outubro, uma cerimônia grandiosa abriu a feira, que vai rolar até março de 2022. E todos os olhos estão voltados para esse que é considerado o maior evento mundial (com presença de público) desde o início da pandemia

Mas porque todo esse bafafá em torno desse evento? A gente te explica: a Expo Dubai é um como um festival de tendências e negócios. É a oportunidade para que as nações mostrem ao mundo suas ideias e fortaleçam suas próprias narrativas e características identitárias a partir de experiências criativas e inovadoras.

O caso da África, por exemplo, é bem interessante! A participação nessa Expo tem o objetivo de transmitir uma visão de uma África mais moderna. O pavilhão do Gabão revela ambições espaciais, a Ruanda aproveitou para mostrar como se tornou um centro de tecnologia e as Seychelles estão apresentando seus programas de conservação dos oceanos.

Deu para ver que o negócio é mesmo alto nível, né? Não é à toa que passam por lá grandes empresários, líderes mundiais, artistas e celebridades. 

O tema deste ano é: Conectando Mentes, Criando o Futuro. Para destrinchar melhor o assunto, foram escolhidas 10 áreas de interesse que compõem os pavilhões: clima, commodities, cultura, educação, energia, saúde, infraestrutura, segurança, espaço e comércio.

E o mais legal: essa é considerada a edição mais inclusiva de todas, reunindo no total 192 nações!

Agora que já deu para ter um panorama geral do evento, se liga em 3 curiosidades sobre o evento para você ficar de olho:

Protocolos contra Covid-19

O avanço da vacinação em diversos países aqueceu o setor do turismo, e a expectativa de Dubai é que o evento possa receber turistas do mundo todo.

Mas a pandemia não acabou e a prioridade nº 1 é a segurança e o bem-estar de funcionários e visitantes. A organização fez questão de divulgar um guia com todos os comportamentos exigidos para quem optasse por participar da feira.

O evento pede que as pessoas apresentem um comprovante de vacinação (Dubai aceita todas as vacinas reconhecidas pelo país de origem do visitante), e para quem não se vacinou, é obrigatório testar negativo no exame PCR – realizado de graça pelo próprio evento!

O distanciamento social é recomendado e o uso de máscaras durante todo o tempo de permanência no evento é indispensável.

Experiências de marca

A Pepsico tá marcando presença! Ativando 3 pavilhões diferentes, a empresa aproveitou para divulgar a Gatorade, Lays e a própria Pepsi. Mas o que mais chamou atenção mesmo foram as estações de água Aquafina.

Funciona assim: os visitantes podem personalizar sua água! Dá para acrescentar gás ou não, escolher saborizar com morango, lima e pêssego, controlar a intensidade do saber e também da temperatura. Personalização nota 10.

Participantes podem usar qualquer garrafinha de água, mas utilizando a reutilizável da Aquafina, que vem com QR code, é possível salvar as preferências criadas e sincronizar depois em qualquer máquina!

A Talabat é a parceira oficial de entregas de comida da Expo Dubai 2020, e claro que ela tinha que preparar algo à altura das expectativas.

A campanha criativa tem como slogan: “Faminto pelo futuro? Experimente a Talabat na Expo Dubai 2020”. E o público vai realmente poder sentir o gostinho do que vem por aí na área de delivery: inteligência artificial e robôs são utilizados para levar os alimentos até os participantes!

Os pavilhões que merecem destaque

A Coreia do Sul entregou tudo no seu pavilhão: quem quiser pode experimentar “um dia de Round 6” por lá!

Calma, não tem aquele risco de ninguém ser eliminado… mas a adrenalina é parecida, viu? Os guardas mascarados e a contagem regressiva fazem parte da brincadeira! Esculpir mel e ficar na tensão de não poder se mexer são algumas das atividades.

(a gente já comentou nessa cápsula sobre como o investimento em cultura tornou a Coreia do Sul uma potência mundial. E é claro que eles não poderiam ficar de fora desse grande evento de inovação).

O pavilhão da Itália produziu uma réplica quase exata do famoso David de Michelangelo. Artistas, arquitetos e engenheiros se reuniram em um laboratório em Florença para produzir a arte digitalmente e depois imprimir em 3D. O resultado ficou incrível!

Já o pavilhão da Rússia tem como tema: “Mente Criativa: Guiando o Futuro”. Eles produziram uma cúpula gigantesca composta de microtubos coloridos e entrelaçados. O efeito visual busca recriar o eterno processo de cognição e aprendizagem no mundo. Imagina ver essa instalação multimídia de perto?

Já o pavilhão do Reino Unido cria um poema coletivo com as palavras que os visitantes dizem. O algoritmo compila tudo e exibe em um enorme display iluminado. Vale ver também o pavilhão da Holanda, que criou um bioma temporário no meio do deserto

E o Brasil, como tá lá? Desenhado por arquitetos e designers da JPG.ARQ, MMBB Arquitetos e Ben-Avid, o Pavilhão Brasil na Expo 2020 Dubai foi desenhado para criar uma experiência sensorial que conecta seus visitantes ao nosso bioma e herança cultural.

No próprio site da Expo Dubai dá para conferir fotos dos diversos pavilhões que foram criados pro evento. É para perder o tempo de vista e navegar pelos diferentes ambientes desse evento que é pura tendência.

posts relacionados

cápsula

Todas as quartas receba em seu email a newsletter do øclb, lida atualmente por mais de 7.000 pessoas.