Porque fazer parte de uma comunidade é essencial pra empreendedores

Somos seres sociais, e no contexto atual, a importância das conexões nunca foi tão evidente. Isolados, tentamos ainda mais nos aproximar (mesmo que virtualmente) das pessoas, e saber que não estamos sós é com certeza um estímulo pra seguir em frente. No SXSW desse ano, as palavras coletividade e comunidade estavam em alta, apontadas como tendências pro futuro.

Com tanta informação na internet, e as nossas rotinas cada vez mais aceleradas, ter o que você possa chamar de “o meu lugar” é quase como receber um abraço virtual! 

Encontrar um grupo de pessoas que pensem parecido com você, trabalhem na mesma área, e/ou curtam as mesmas coisas é algo muito valioso, por isso, fazer parte de uma comunidade virtual é uma ótima experiência.  

E já existem comunidades em diversas áreas! Seja no universo gamer, empreendedorismo, marketing digital, moda, indústria da música… tem lugar pra todo mundo.

Sendo o nicho que for, fazer parte de uma comunidade tem uma série de benefícios, principalmente pra quem empreende. Por exemplo, esses quatro que a gente selecionou: 

Troca de experiências

Sem dúvida, um dos maiores benefícios de uma comunidade é a troca. Só o fato de alguém entrar numa, já mostra o interesse em aprender e compartilhar. Por isso, você vai encontrar uma galera aberta pra te ouvir, ajudar e ensinar.

Uma comunidade virtual ainda tem a vantagem de não ter limites geográficos. Em um país tão rico culturalmente como o Brasil, essa possibilidade de intercâmbio entre regiões é muito legal. São pontos de vista diferentes, perspectivas e pensamentos que vão te impulsionar a ver além

O exemplo na prática é uma característica forte das comunidades. O estudo teórico é muito importante, mas aprender com quem tá botando a mão na massa é excelente! Se você precisa de insights, uma comunidade pode ser o melhor lugar pra isso.

Radar de novidades

Somos bombardeados por notícias 24hrs. Uma nova ferramenta que surgiu no mercado, o lançamento do disco de uma banda, novidades com relação a criptomoedas, NFTs… ufa! Fica difícil acompanhar tudo, já que (ainda) não somos robôs, rs.

Em uma comunidade, as pessoas naturalmente compartilham informações que sejam do seu interesse. É quase que um filtro de notícias úteis pra você. Vamos combinar que acompanhar um canal só é muito mais fácil do que ficar de olho em diversos portais, né?

E, claro, na ânsia de querer gerar uma conversa em torno de um assunto, é comum que as novidades cheguem muito rápido na comunidade. Ou seja, você está sempre consumindo tendências e assuntos do momento!

Isso não só é importante pra assuntos cotidianos, como também pro trabalho. Chegar na reunião da manhã atualizando sua equipe sobre o que tá rolando é um super diferencial que vai fazer você se destacar e ser conhecide por estar sempre em dia.

E mais do que isso, hoje quase todos os negócios trabalham com redes sociais, e ter esse radar ligado pro que tá acontecendo é muito importante no processo de produzir conteúdo. Com certeza você vai mandar bem se souber conectar o assunto em alta com o seu produto/serviço. 

Networking

As redes sociais nos ajudam a encontrar várias pessoas, mas, ao mesmo tempo, às vezes estamos falando com todo mundo e com ninguém ao mesmo tempo. Ter a sua mensagem direcionada pra quem é do mesmo ramo que você faz toda a diferença!

Dentro de uma comunidade, existem pessoas de diversos níveis hierárquicos no mercado de trabalho, e estar no cotidiano delas, mostrando seu trabalho, contribuindo com ideias, é muito mais interessante do que simplesmente enviar seu currículo.

A comunidade é também um ponto de confiança. As pessoas reconhecem a autoridade no assunto de quem está ali dentro. Por isso, quem está no mercado sempre busca dentro do grupo pessoas que possam participar de algum projeto, desenvolver uma parceria, ou indicar alguém.

Apoio de quem vive o mesmo que você

Alguns fatores externos impactam todo um setor, como foi o caso da pandemia. Já algumas situações específicas podem interferir no nicho que você atua, como é o caso de uma nova lei, a chegada de um grande concorrente, greves de fornecedores, etc. E se existem pessoas passando pelo mesmo que você, fica mais fácil enxergar caminhos pra onde seguir.

Na comunidade øclb, temos várias pessoas que trabalham com eventos. Pense no susto inicial da pandemia: pra quem sempre teve como meta a casa cheia, ter que lidar com o fato de não mais poder reunir pessoas foi um balde de água fria. 

O que fazer com os ingressos que já foram comprados? Adiar o evento ou cancelar? É hora de partir pro virtual? Todas essas inquietações foram levantadas em nossa comunidade, e as trocas que rolaram foram fundamentais pra um melhor entendimento das configurações do “novo normal”.

Por isso, fazer parte de uma comunidade é tão importante. Pensar em soluções em conjunto é muito melhor do que bater com a cabeça na parede. E pode apostar que as pessoas vão fazer de tudo pra ajudar, porque elas entendem suas dores e tem experiência pra traçar estratégias ou mesmo empatia pra dizer palavras de conforto e prestar apoio.

Comunidade é acolhimento de ideias, identidades e expressão. É, como diria o provérbio africano: “se quiser ir rápido, vá sozinho. se quiser ir longe, vá acompanhado”.

posts relacionados

hey!

Assine a cápsula. Sua dose semanal de inspiração
Segue a gente nas
redes sociais e entre em contato conosco